Reforma sem quebra-quebra

“O quarto do bebê é o tipo de projeto em que todo mundo naturalmente espera o melhor. Para além de ser bonito, precisa ser também prático, acolhedor e seguro e isso é levado muito a sério por nós”, conta a designer de interiores Natália Meyer, que no momento está grávida.

MeyerCortez

Algumas sugestões básicas para uma aventura neste ambiente:

• A melhor economia não é comprar móveis necessariamente baratos, mas de qualidade e com potencial para serem usados por mais tempo do que apenas na primeira infância. Ao fazer esta opção, a vantagem virá a longo prazo, pois não será necessário investir em mobiliário novo nos próximos anos. Como exemplo, podemos pensar em um berço que vire mini cama e em cômoda com a possibilidade de trocador em cima. Madeira em tons neutros, como branco, bege ou o tom natural é sempre uma decisão inteligente e que otimiza.

• O mais importante: a segurança – Tudo o que for comprar para esse tipo de projeto precisa estar certificado e seguindo as regras de segurança. O trocador, por exemplo, deve estar em uma altura que o adulto não tenha que se abaixar para cuidar do bebê e o berço, obviamente, precisa ser escolhido com a máxima atenção: grades devem ter um espaço de 6 cm entre uma e outra para que a criança não prenda mãos e pés entre os vãos, o colchão precisa ter a espessura de – no máximo – 12 cm e densidade D18, tanto a pintura quanto o verniz (depende do tratamento que se queira dar à peça) devem ser feitas com material absolutamente atóxico e, por fim, as bordas e partes salientes devem ser arredondadas ou chanfradas. Continuar lendo

Anúncios

Quarto de bebê pelo MeyerCortez

“O quarto do bebê é o tipo de projeto em que todo mundo naturalmente espera o melhor. Para além de ser bonito, precisa ser também prático, acolhedor e seguro e isso é levado muito a sério por nós”, conta a designer de interiores Natália Meyer, que no momento está grávida.

MeyerCortez

Algumas sugestões básicas para uma aventura neste ambiente:

• A melhor economia não é comprar móveis necessariamente baratos, mas de qualidade e com potencial para serem usados por mais tempo do que apenas na primeira infância. Ao fazer esta opção, a vantagem virá a longo prazo, pois não será necessário investir em mobiliário novo nos próximos anos. Como exemplo, podemos pensar em um berço que vire mini cama e em cômoda com a possibilidade de trocador em cima. Madeira em tons neutros, como branco, bege ou o tom natural é sempre uma decisão inteligente e que otimiza.
>>>Leia+Mais

Imóvel na praia por Ferrassa e Pickler

O que levar em consideração no momento de adquirir um imóvel na praia

Ferrassa & Pickler

Arquitetas Ieda Ferrassa e Tehura Pickler

Muitas famílias, após adquirirem o primeiro imóvel na cidade, vão em busca da tão sonhada casa de praia e veraneio. Mas você sabe quais cuidados precisa tomar antes de finalizar a compra? As arquitetas Ieda Ferrassa e Tehura Pickler, do escritório Ferrassa & Pickler – com grande experiência em construções na região litorânea – dão dicas valiosas para ter o projeto perfeito.

O primeiro passo é a escolha do terreno. Busque informações sobre o local, histórico de enchentes e observe a vizinhança. ” Verifique toda documentação necessária para esse investimento, e o mais importante, vá até a prefeitura e busque informações sobre as condições legais do terreno. Esse é o primeiro passo para não cair em um possível golpe”, comenta Ieda Ferrassa. Continuar lendo

Inverno de Giovanna Gogosz

Arquiteta Giovanna Gogosz apresenta ideias para deixar a casa ou escritório mais aconchegante nas épocas frias do ano

Giovanna Gogosz

A estação mais esperada do ano chegou e, por mais que este inverno esteja com cara de primavera, ainda são esperadas fortes frentes frias nos próximos dias. Por conta disso, muitas pessoas buscam alternativas para deixar o ambiente mais quente e confortável sem gastar muito dinheiro. “Existem reformas mais completas que conseguem deixar o local com a cara do inverno, porém, os clientes me procuram em busca de truques na decoração simples e econômicos sem alterar muito a decoração”, explica a arquiteta Giovanna Gogosz, criadora da marca Giovanna Gogosz.

A especialista selecionou opções decorativas para que o frio não seja um motivo de desconforto: Continuar lendo